O Frankenstein e a TI: está pronto para uma estratégia omnichannel?